Depressão e síndrome do pânico e o direito a aposentadoria por invalidez - Ferreira Leite Advocacia

Depressão e síndrome do pânico e o direito a aposentadoria por invalidez

 

Problemas psiquiátricos podem induzir a aposentadoria precoce de trabalhadores.

Dentre as doenças mais incapacitantes está famosa síndrome do pânico o estresse por acúmulo de atividades e a depressão. Problemas relacionados com dependências psicoativas também podem acarretar na perda da capacidade laboral e na necessidade de aposentadoria por invalidez.

Os requisitos para a concessão de aposentadoria por invalidez são apenas dois. A perda total e permanente da capacidade de trabalho e o preenchimento da carência de pelo menos 12 contribuições mensais após a filiação ao INSS. 

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), a partir depressão é uma das 10 doenças mais frequentes na população mundial. Porém ainda é uma doença subestimada pelas políticas de saúde pública ou laboral.

Se a depressão lhe afeta, ou a qualquer membro de sua família, não hesite em buscar auxílio médico de psicólogos ou psiquiatras. Dependendo da intensidade da doença o afastamento temporário ou definitivos das atividades laborais pode ser a melhor solução. 

Pedro Henrique Leite, 01 de julho de 2016